[ editar artigo]

Brincadeiras na praia...tem coisa mais divertida para se conectar com os pequenos?

Brincadeiras na praia...tem coisa mais divertida para se conectar com os pequenos?

 

Quem não tem uma boa história para contar sobre as experiências de infância vividas na praia?

Tantas brincadeiras e diversão com amigos, primos e família reunida…

Nos finais de semana ou nas férias um dos destinos mais procurados são as praias, justamente porque podemos entrar em contato com a natureza e proporcionar momentos de brincadeiras onde as crianças podem se sentir livres e soltar a criatividade.

Além disso, o contato com o mar é ideal para renovar as energias, recompor o equilíbrio, fugir do stress cotidiano e criar lembranças incríveis com os filhos. 

Mas para que esses momentos possam ser bem aproveitados e não acabem se tornando chato para os pequenos - após as primeiras horas de diversão - , é importante criar outras atividades para incluir na programação.

Cuidados que vão deixar os momentos na praia mais divertidos

Muito sol e calor é o que esperamos quando vamos para a praia, mas para que todos aproveitem esses momentos, alguns cuidados são fundamentais:

  • Protetor solar e boné são itens que não podem faltar, afinal não tem coisa mais chata do que ficar com a pele dolorida e queimada de sol, não é?

  • Se hidratar é também muito importante. Beber bastante líquido, comer frutas frescas, tomar sorvete de fruta, são opções saudáveis que ajudam na hidratação.

  • Mostrar e combinar um ponto de referência é fundamental para evitar que os pequenos se percam.

  • Levar saquinhos para recolher o lixo que for produzido por vocês é uma boa maneira de ensinar que temos que valorizar e respeitar a natureza.

Depois de todos esses cuidados, bora aproveitar as brincadeiras na praia!

Dicas de brincadeiras

Incrementar as brincadeiras pode ser um bom estímulo para torná-las mais instigantes e envolver os pequenos.              

  • Pular onda: contar as ondas que forem pulando, pular num pé só, pular com dois pés, pular com o corpo de lado.
  • Relógio de sol: procurar objetos que possam servir para desenhar na areia e observar onde o sol está projetando a sombra. Desenhar um relógio colocando ao centro um palito ou graveto em pé e explorar a estimativa das horas. Vale colocar os números do relógio para ajudar nessa contagem, ou usar conchas para representar cada hora.
  • Brincadeiras com sombras: fazer diferentes formatos com a mão e com o corpo e observar a reprodução na areia. Um bom momento para brincar de adivinhar!
  • Desenhos na areia: desenhar livremente, desenhar uma parte e o outro completa o desenho, desenhar um pedaço da figura e brincar de adivinhar o que é.
  • Procurar conchas: levar um baldinho e recolher as conchas que for encontrando pelo caminho. Após recolher e lavar as conchas, brincar de separar as grandes das pequenas, fazer caminhos e desenhos com elas, empilhar o máximo que conseguir sem deixar cair, fazer seriação, uma grande duas pequenas e assim por diante…
  • Brincadeiras com bola: as bolas são sempre boas aliadas nas brincadeiras e promovem a interação com outras crianças e com os adultos. São muitas e diversas as formas de jogar: jogar alto e sem deixar cair no chão, jogar com toques de pé para pé, jogar passando por baixo da perna, todas essas brincadeiras podem ser acompanhadas por contagem ou palavras combinadas cada vez que a bola for passada.
  • Castelos e vulcões de areia: Nada mais gostoso do que construir castelos, vulcões, muros, estradas e poder soltar a imaginação! Para isso um bom engenheiro precisa entender as diferentes texturas da areia e como podem ser usadas. Areia mais seca, areia com pouca água, areia com muita água… quantas descobertas!!!

Aproveite para registrar e fotografar muuuito, para depois reverem juntos os momentos mais engraçados!  Tirem o máximo proveito dessas ocasiões quando estiver com os pequenos, o que, inclusive, auxilia na criação e consolidação dos laços afetivos que vamos levar por toda a vida.

Mundo Cambalhota
Adriana Gardel
Adriana Gardel Seguir

Mãe, apaixonada pela área da educação, pedagoga, graduada em psicopedagogia com especialização em neurociência voltada para a educação e Kid Coach. Acredito que, juntos, podemos ajudar nossas crianças a serem adultos transformadores e mais felizes.

Ler conteúdo completo
Indicados para você