[ editar artigo]

Birra infantil: tudo o que você precisa saber sobre esse comportamento

Birra infantil: tudo o que você precisa saber sobre esse comportamento

Tudo está bem até que de repente a criança começa a chorar ou espernear de forma sistemática. Não é preciso ser mamãe ou papai para conhecer a tão famosa birra infantil.

As birras são uma forma das crianças lidarem com emoções complexas para elas, geralmente associadas ao sentimento de frustração. 

Por isso, a fase mais comum para essa explosão de sentimentos acontece entre 1 e 3 anos de idade. 

Nestas idades, as crianças tornam-se um pouco mais independentes e lidar com o “não” e algumas restrições dos adultos pode ser de difícil assimilação. 

Pensando nisso, preparamos este artigo para você descobrir como lidar com a birra do seu pequeno. Vamos abordar os seguintes pontos: 

  • Quais as principais causas da birra?

  • Como lidar com a birra infantil? 

Acompanhe com a gente!

 

Quais as principais causas da birra?

A birra é um comportamento muito específico de crianças que estão aprendendo a lidar com os limites e ainda não conhecem outras formas de reagir. 

Ou seja, os bebês de até 1 ano não reagem com birra, porque ainda não estão aprendendo a lidar com a negação.

Mas engana-se quem acredita que a situação é restrita às crianças menores.

Adolescentes e até mesmo os adultos podem fazer birra quando se sentem sobrecarregados por suas emoções e não conseguem ou não têm as habilidades certas para se autorregular.

Já para os pequenos, o gatilho desencadeador da birra pode ser devido a emoções complexas, como frustração, vergonha, raiva, ou necessidades do corpo, como fome ou cansaço.

O humor está diretamente relacionado ao nosso bem-estar e, no caso das crianças, não perceber essas necessidades pode ser o estopim para a birra.


Como lidar com a birra infantil?

O recomendado é explicar para a o seu filho que aquele comportamento não é legal e, por essa razão, você o escutará quando estiver mais calmo e disposto a conversar. 

A medida que a criança consegue externar a sensação que está incomodando, a tendência é que as birras diminuam até o ponto em que não aconteçam mais. 

Apesar de ser um comportamento normal na infância, se a birra não for trabalhada, o adolescente ou adulto vai continuar com o mesmo comportamento, não vai mais se jogar no chão, mas vai ser uma pessoa intolerante. 

Dessa forma, é importante ter em mente pequenas atitudes para trabalhar as birras infantis, como exemplo:

1 - Esqueça as outras opiniões

Independente do local ou de quem está próximo, converse com o seu filho, ou filha, sobre a birra. 

Tenha em mente que a educação das crianças é primordial e não ceda para evitar olhares e comentários de julgamento.

2 - Crie uma rotina

Como dito anteriormente, as necessidades fisiológicas estão relacionadas ao nosso humor e, consequentemente, as birras infantis.

Por isso, crie uma rotina de alimentação, atividades e descanso. Dessa forma, você pode reduzir as birras devido às necessidades fisiológicas.

3 - Imponha limites

A criança precisa aprender que há momentos certos para tudo. Ou seja, é preciso desenvolver a paciência e o autocontrole das suas emoções. 

Esse aprendizado é algo valioso para o resto da vida! Especialmente para a fase adulta.

4 - Conheça as emoções da criança 

Todas as mamães, papais, titios e avós devem praticar a empatia. Afinal, compreender o sentimento do pequeno é essencial para lidar com as suas emoções mais difíceis.  

Além disso, você pode ajudar o seu filho a controlar essa emoção dando nome à ela e redirecionando sua atenção para algo que ele goste.

Por exemplo: ”Você jogou o brinquedo porque ficou frustrado. Se você puder me dizer o que fez jogar o brinquedo, eu consigo ajudá-lo a não se sentir mais assim”.

5 - Ofereça brinquedos e atividades apropriadas

Procure um espaço em casa para a criança brincar livremente, mas com atividades indicadas para cada idade.

Jogos e brincadeiras que estejam acima do nível de desenvolvimento dela, podem acabar aumentando o sentimento de frustração. 

Incentive a criança a se divertir com brinquedos educativos e atividades lúdicas que estimulem a sua criatividade e imaginação.


Por fim, lidar com a birra infantil pode ser um verdadeiro aprendizado tanto para as crianças quanto para as mamães e papais.

Mas uma boa conexão entre pais e filhos é a melhor maneira de ensinar e orientar as crianças para serem adultos capazes de transformar o mundo.

Se precisar de uma ajudinha para reforçar ainda mais esses vínculos e o tempo com os filhos, conte com a gente!

Aqui na Box Cambalhota, nós propomos um novo jeito de brincar em família com o desenvolvimento de caixas com jogos e brincadeiras para crianças a partir de 4 anos. 

Por meio de temas que trabalham a curiosidade, nutrição, mindfulness, contação de histórias e muito mais, nós buscamos auxiliar no desenvolvimento saudável do seu filho, sempre com muito amor, carinho e compreensão.

Para isso, também preparamos um material de apoio para os pais, que facilitam esses momentos juntos. Assine agora mesmo ou escolha a sua caixa avulsa!

Mundo Cambalhota
Equipe Mundo Cambalhota
Equipe Mundo Cambalhota Seguir

Comunidade colaborativa para conectar pais e profissionais empenhados em desenvolver crianças melhores e mais felizes para o mundo.

Ler conteúdo completo
Indicados para você